PROCON SC e Polícia Civil apreendem cigarros eletrônicos vendidos ilegalmente para menores de idade

PROCON SC e Polícia Civil apreendem cigarros eletrônicos vendidos ilegalmente para menores de idade

O PROCON SC deflagrou uma operação em parceria com a Polícia Civil do Estado para coibir o comércio ilegal de dispositivos eletrônicos para fumar, acessórios e essências líquidas.
Os produtos são proibidos pela RDC (Resolução de Diretoria Colegiada) 46, da Anvisa, e podem causar doenças respiratórias, como enfisema pulmonar, doenças cardiovasculares, dermatite e câncer.
Existe ainda o risco de causarem explosões, pois suas baterias são de procedência e qualidade desconhecidas.

“O PROCON SC não defende somente relações de consumo onde pode haverperda de bens materiais por parte do consumidor. Ele também atua na defesa da saúde do consumidor e por isso estamos atuantes”, explica o diretor do órgão, Tiago Silva.

A ação foi realizada em estabelecimentos comerciais da Grande Florianópolis, que vendiam os produtos, inclusive, para menores de idade. O dono de um deles foi preso e encaminhado para a delegacia.
Os comerciantes terão 10 dias para apresentar uma defesa e, após este prazo, os produtos apreendidos serão destruídos pelo órgão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *